Uma vida para poder escrever (ainda à propos de Headturner dos Love T.K.O.)

Partilhe

Quando a 18 de Abril relembrei os Love T.K.O. neste curto post estava longe de saber, mas muito perto de descobrir, que afinal conhecia a voz que me encantou ao longo de mais de vinte anos no tema Stay (The Eagle’s Eye).

Foi recentemente, numa daquelas manhãs em que acordamos particularmente mais cedo – e que geralmente coíncidem com a notícia da morte de um David Bowie ou de um evento particularmente marcante (o sincronismo tem destas coisas). Não me lembro por que razão mas naquela madrugada, mais uma vez, como muitas em mais de vinte anos desde que comprei o disco, fui ouvir Stay do álbum Headturner dos Love T.K.O., desta vez no Youtube. Qual não foi então o meu espanto quando reparei, no campo de descrição do vídeo, num nome familiar. Fiquei em choque. Seria a Delphi que eu conhecia? Em caso de dúvida, recorri ao Discogs. Conferia. Tudo apontava para a Delphi. Decidi enviar-lhe uma mensagem. “Isto és tu?”, perguntei. A Delphi parecia surpresa com o link para o vídeo com a canção interpretada por uma tal de Delphi. “Isto és tu?”, repetia eu em choque. Exigia uma resposta. Por fim, lacónica, aínda que surpreendida com o que ela achava ser o meu “achado”, respondeu afirmativamente.

Fomos três, eu a Delphi e o Paul (outro meu ex-vizinho em Londres produtor e músico) que passámos o dia a relembrar esse grande disco. Eles em Londres, já os imagino cada um em sua casa, agarrados ao seu chá com um farrapinho de leite, nostalgicamente olhando para o infinito que se estende nos seus pequenos jardins das traseiras e eu em Portugal lembrando os verões eternos da minha juventude. E a voz que me encantou por tantos e tantos anos.

Depois das mensagens e posts no Facebook da praxe nunca mais tocámos no assunto, mas naquela manhã o Universo inteiro fez sentido através de Stay.

De facto, a vida é sempre mais estranha que qualquer ficção. E que sorte ter esta vida para poder escrever.

Partilhe

About Hugo Costa

Copywriter, letrista, ex-guitarrista de Líderes da Nova Mensagem e dR. estranhoamor. Co-autor do romance A Corporação Invisível.

17. Junho 2016 by Hugo Costa
Categories: Man About Town | Leave a comment